terça-feira, 9 de agosto de 2016

O ATAQUE DOS VERMES MALDITOS


Existe uma enormidade de pessoas fanáticas por filmes B, entre elas o cineasta Quentin Tarantino, famoso por abordar esse filão de filmes em suas obras sem medo de ser feliz. Volta e meia aparece essas raridades na TV ou no Netflix, aqueles filmes que pensamos duas vezes antes de assistir ou que tínhamos pena de gastar dinheiro alugando, sempre escolhendo um filme mais famoso quando tínhamos opção. Mas quando passava na TV a gente sempre assistia. Infelizmente, além de já serem de baixo orçamento, o título traduzido para o português atrapalhava ainda mais, sepultando nossa vontade de assistir. Em português o filme Tremors, de 1990 virou O Ataque dos Vermes Malditos (em Portugal ficou Palpitações). O nome é difícil de engolir, a sinopse é extremamente estranha, logo você imagina uma nojeira na tela, com atuação pífia e com o final pior que o filme inteiro. Mas quem assistiu a esse filme teve uma ótima experiência.

Realmente a história é estranha. Passa-se em uma cidade do interior de Nevada, bem pequena, com menos de 20 habitantes, com mercadinho, um médico, posto de gasolina, alguns rebanhos de ovelha, e só. Não tem muito que fazer além do já citado, e Val (Kevin Bacon) e Earl (Fred Ward) se cansam dessa vida, onde por muito tempo só conseguem trocados fazendo bicos nesse vilarejo. Decidem por fim sair da cidade em busca de um serviço descente fora daquele lugar, mas na saída encontram um homem morto no alto de uma torre elétrica, que segundo o médico ele teria sucumbido por desidratação. Por que ele não desceu da torre? O que o fez ficar lá durante tanto tempo? Outras mortes ocorrem dessa vez o rebanho de ovelhas é dilacerado, e Val e Earl só encontram a cabeça do velho pastor no chão. Ao mesmo tempo em que esses acontecimentos afligem o pequeno vilarejo, a jovem estudante Rhonda (Finn Carter) visita a região para realizar testes no solo (os tremores do titulo original).


Sair e pedir ajuda á polícia na cidade vizinha é impossível devido a vários deslizamentos de terra que impedem o deslocamento nas estradas, e os poucos moradores dessa cidadezinha ficam ilhados com seres subterrâneos, uns verdadeiros monstros (ou vermes malditos, como os tradutores preferiram denominá-los). Um monstro de tamanho considerável, que solta alguns tentáculos de sua enorme boca, que se agarram como cobras nos veículos ou pessoas, e as puxam até o chão (a explicação para o homem não ter decido da torre). Lógico que Rhonda se torna de grande valia para identificar esses monstros e onde eles se encontram. Muito legal ver as pessoas se locomovendo pelos telhados, evitando pisar no chão. Os monstros não parecem ser tão burros, pois fazem de tudo para derrubar as estruturas. E sempre tem um desavisado que parece não saber o que está acontecendo e aparece de repente pisando no chão e totalmente alheio aos gritos de avisos dos demais.

Resultado de imagem para tremors filme

O legal do filme é que ele utiliza os clichês sem receio, pois afinal de contas é um filme B, e você ainda torce pelos personagens. Você vai avançando na trama, olha determinado personagem e já pensa “Esse vai morrer”, e quando ele realmente morre você ainda fica triste. Outro clichê é ter na cidade, com tão poucos habitantes, um casal fanático por armas. Pronto, o armamento estava garantido, parecia até que eles estavam aguardando os vermes chegarem. Mas poxa vida, o filme te garante a diversão. Te faz sentir como se realmente aquilo fosse possível e no final você tem certeza que na próxima vez que passar você no mínimo pode assistir a uma determinada cena. Outra coisa que deixa o filme é interessante é o ambiente desértico da cidade, propício para os monstros conseguirem se locomover sob a terra. As ventanias e poeira lhe dão a impressão de calor e ajudam ao mau cheiro das criaturas se alastrar pelo vilarejo.

Kevin Bacon é o grande herói, lógico, mas não participou das continuações. O filme fez tanto sucesso que você pode encontrar o Ataque dos Vermes Malditos 5 (confesso que parei no primeiro), mas tem algumas notícias de que o ator topou fazer um novo filme, onde seu personagem volta para a pequena cidade e são atacados novamente. Tomara que ele siga os moldes do original, só duvido que esse novo filme seja tratado como filme B. Cuidado ao andar na rua ou no campo, afinal de contas nunca se sabe.